DA DEVOÇÃO AO PAPA

Pe. William Frederick Faber | 1860 O ano novo começa com uma festa de Jesus, e essa festa lembra a primeira efusão do seu sangue. É isso como uma espécie de tipo da vida cristã inteira. Cristo vive em nós, e nós, por nossa vez, vivemos da vida dele. A vida do homem redimido está,... Continuar Lendo →

SOBRE OS CARISMAS – II

S. João Crisóstomo | século IV XIV HOMILIA I Coríntios 13, 8. Quanto às profecias, desaparecerão, quanto às línguas, cessarão, quanto à ciência, também desaparecerá. O Apóstolo, depois de ter demonstrado a excelência da caridade, porque os carismas e as ações importantes da vida dela carecem, e após ter enumerado todas as suas qualidades e... Continuar Lendo →

SOBRE OS CARISMAS – I

S. João Crisóstomo | século IV XXXII HOMILIA I Coríntios 12, 27. Ora, vós sois o corpo de Cristo e sois os seus membros, cada um por sua parte. No intuito de evitar que alguém retruque: O que nos importa o exemplo do corpo? Ele obedece à natureza, enquanto nossas boas ações dependem do livre-arbítrio,... Continuar Lendo →

PANEGÍRICO DE SANTA CATARINA DE ALEXANDRIA

Mons. Jacques-Bénigne Bossuet | 1693 Pregado no dia de 26 de novembro de 1693, no Seminário de Saint-Nicolas-du-Chardonnet. Santa Catarina de Alexandria, virgem e mártir, que viveu pelo ano de 312, foi tão notável pela sua ciência que confundiu e converteu muitos filósofos pagãos. Morreu no reinado de Maximino Daia, presa a uma roda guarnecida... Continuar Lendo →

COMENTÁRIO AO SALMO 50

S. Agostinho de Hipona | século IV ou V 1. Não nos podemos furtar a tão numerosa multidão, mas também não devemos onerar sua fraqueza. Pedimos silêncio e tranquilidade, para que nossa voz, depois do esforço de ontem, encontre forças para ir até o fim. Acredito que V. Caridade hoje compareceu em maior número apenas... Continuar Lendo →

DOS PECADOS CONTRA A NATUREZA

S. João Crisóstomo | século IV QUARTA HOMILIA SOBRE A EPÍSTOLA AOS ROMANOS Versículos comentados: 1, 26. Por isso Deus os entregou a paixões aviltantes: suas mulheres mudaram as relações naturais por relações contra a natureza; 27. igualmente os homens, deixando a relação natural com a mulher, arderam em desejo uns para com os outros.... Continuar Lendo →

Blog no WordPress.com.

Acima ↑