LUTANDO CONTRA OS ESCRÚPULOS

Pe. Anthony Cekada | 1985

Sinais de escrúpulo

1. Medo de estar cometendo pecado enquanto faz coisas que mesmo as pessoas devotas não acham pecaminosas.

2. Frequentemente mudar de ideia por razões triviais (ou nenhuma razão) sobre se algo é pecaminoso; um minuto você acha que algo não é pecaminoso e no minuto seguinte você acha que é pecaminoso.

3. Preocupação constante ou ansiedade sobre o pecado, sem ser capaz de descobrir uma razão para a preocupação.

4. Preocupar-se constantemente com as vossas confissões, mesmo que o sacerdote vos tenha dito que não havia nada de errado com elas. 

5. Teimosia para com o sacerdote na confissão — pensar que você está certo sobre algo ser pecaminoso e que ele está errado — o que o leva a ir a muitos sacerdotes diferentes para a confissão, sem realmente dar ouvidos aos conselhos ou instruções que você recebe de qualquer um deles.

6. Perguntar repetidamente se uma ação é ou não pecaminosa, mesmo que o sacerdote tenha lhe dito a resposta à pergunta antes.

7. Confessar repetidamente como pecados — «por precaução» — coisas que o sacerdote vos disse que não são pecados.

Algumas dicas: 

1. Pense nos escrúpulos como uma doença da qual você tem que se livrar. Resolva livrar-se deles com a ajuda do sacerdote.

2. Peça a Deus para ajudá-lo a se livrar dos escrúpulos. Faça uma oração especial por esta intenção todos os dias.

3. Odeie os escrúpulos e aja contra eles. Não pense em coisas que lhe dão escrúpulos.

4. Olhe para Deus como supremamente bom e como um Pai amoroso.

5. Diga sua Oferta Matinal todos os dias e ofereça tudo o que você faz durante esse dia com antecedência a Deus.

6. Em suas orações diárias, agradeça a Deus por todas as coisas maravilhosas que Ele lhe deu: família, amigos, bênçãos temporais, etc. Agradeça-Lhe por poder ir à Missa e à Sagrada Comunhão. Agradeça a Ele por ser capaz de ir à confissão, onde Ele mostra Sua misericórdia e amor por nós de uma maneira especial.

7. Evite a ociosidade. Quando sozinho e atormentado por escrúpulos, distraia-se fazendo algo que, de outra forma, ocupará sua mente.

8. Deixe o sacerdote ter a preocupação por você por enquanto.

9. Recordai-vos de que a escrupulosidade pode ser superada com paciência e oração.

10. Memorize as seguintes regras:

* Devo odiar meus escrúpulos.

* Tenho permissão para fazer qualquer coisa que eu veja pessoas devotas fazerem.

* Eu não cometi um pecado mortal a menos que não houvesse dúvida de que era um pecado mortal.

* Não sou obrigado a confessar nada, a menos que não haja dúvida de que foi um pecado mortal.

* Devo aceitar essas regras e seguir o conselho que o padre me dá.

Na confissão… 

1. Examine sua consciência de antemão, mas por apenas cinco minutos.

2. Diga ao sacerdote que você tem um problema com a escrupulosidade.

3. Não mencione um pecado passado, a menos que você esteja

a. Absolutamente certo de que foi um pecado mortal e

b. Certeza absoluta de que você nunca confessou isso.

4. Confie sempre no sacerdote.

5. Nunca confesse um pecado duvidoso.

6. Se o sacerdote lhe disser que algo que você pensou, disse ou fez não é um pecado, creia nele e não se preocupe com isso.

7. Confesse apenas a espécie (a natureza)  e o número de pecados mortais. Se você não souber o número exato, forneça apenas um número aproximado.

8. Se você não tem pecados mortais para confessar, confesse um ou dois tipos de pecados veniais que você cometeu.

9. Aceite o julgamento do sacerdote sobre se algo é ou não pecaminoso.

10. Faça o que o sacerdote lhe disser para fazer. Você deve obedecer ao sacerdote.

Na Comunhão: 

1. Apenas ter uma dúvida sobre se você cometeu ou não um pecado mortal não deve mantê-lo longe da Sagrada Comunhão. Dúvidas não são pecados.

2. A menos que você tenha certeza absoluta de que está no estado de pecado mortal, faça um Ato de Contrição e vá para a Comunhão.

Finalmente, nunca desanime. Deus o ama. Ele é infinitamente bom e infinitamente misericordioso para convosco. Ele quer que você seja feliz para sempre com Ele no céu, e Ele deixou os sacramentos da Penitência e da Sagrada Eucaristia para ajudá-lo a chegar ao céu. Com a Sua ajuda, podeis superar os escrúpulos que vos perturbam.

Vá em paz.

Trad. por Raíssa Consalter.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: